Carreira de Sucesso

Saiba um pouco sobre Alice Bernardes Castanho, uma profissional da beleza apaixonante!

 

Por Marisa De Lucia   /   Fotos: Emmowalker

 

O que dizer de uma mulher que, com quase 70 anos de idade, ainda saía nas capas de revistas e em outras publicações por seus talentosos trabalhos como profissional da beleza e como conselheira da APIBSPI – Associação dos Profissionais dos Institutos de Beleza do Estado de São Paulo; diretora executiva da ASSOCEM – Associação dos Profissionais de Cosmetologia, Estética e Maquiagem de São Paulo e fundadora da empresa de feiras de eventos denominada Castanho International Beauting?

 

entrevista-alice01

 

Pois esta mulher, que tive a honra de entrevistar, é a comendadora Alice Bernardes Castanho, que está prestes a completar 90 anos de idade e com muita sabedoria, garra e determinação, tocou por muitos anos seu salão de beleza Castanho Cabeleireira Boutique, a clínica de estética Castanho Esthetic Center e a Castanho International Beauting, entre outras inúmeras atividades como cursos de especialização pelo mundo afora.

 

entrevista-alice-revista02

 

Dotada de uma simpatia invejável e uma beleza singular, Alice me falou coisas bastante curiosas sobre essa sua carreira de sucesso e citou por muitas vezes seu pai Manuel Maria Castanho e a mãe Valentina, que tem como exemplos.

 

entrevista-alice-comigo

 

O pai, português, era do ramo da Construção Civil e chegou a construir cidades inteiras como Altair e Guaraci. Aliás, aos 12 anos de idade, ela já tomava conta das obras do pai em Altair. Por aí é possível se ter uma ideia da altivez e inteligência dessa guerreira, até hoje.

 

entrevista-alice-irma

Alice com a irmã Neide e o cunhado Renato Garrini.

 

Cabeleireira, maquiadora e esteticista, começou no ramo da Beleza aos 16 anos de idade em um salão de beleza no bairro da Penha, em São Paulo, e contou que começou sem ter feito curso nenhum. Mas, na verdade, Alice já tinha esse dom, pois desde os 11 anos de idade cortava os cabelos de suas amigas. Ela ainda se diverte ao relembrar o dia em que foi a um casamento e quando viu a noiva, decidiu subir num banquinho e ajeitar o cabelo dela para surpresa de todos. Aliás, ela me disse que foi até fotografada!

 

entrevista-alice-viagens

Nas inúmeras viagens que fez para se especializar e conhecer vários países.

 

Aos 18 anos de idade, Alice decidiu abrir seu próprio salão de beleza no bairro dos Jardins, na Rua Oscar Freire. E lembra que ia de bicicleta de Pinheiros, onde morava, até que passou a ir a pé quando roubaram seu meio de locomoção. Isso só vem provar o porquê de tanta elegância até hoje!

 

entrevista-alice-eventos

Sempre atuante em eventos e recebendo um dos inúmeros prêmios ao longo de sua brilhante carreira.

 

Alice falou da necessidade de não se preocupar com o dinheiro que vai ganhar, mas com a qualidade dos serviços que você vai prestar, e de começar sempre praticando muito, antes de abrir seu próprio negócio. Este, inclusive, é o conselho que ela dá para quem está começando na carreira, quando lhe perguntei o que ela gostaria de falar para os jovens dessa área da beleza. “Não deem saltos sem base, frequentem cursos, treinem bastante como assistentes, subam com esforço próprio, frequentem grupos e trabalhem em institutos com crianças, como sempre trabalhei. Não é a criança que precisa de caridade, mas sim nós da oportunidade”, diz Alice.

 

entrevista-alice-certificados

 

Outro de seus empreendimentos, que fez sucesso, foi o Jornal Evidência, no qual trazia trabalhos de profissionais que se destacavam, cursos que as associações promoviam, enfim, o que estava em evidência na beleza, daí o nome escolhido tão bem por ela.

 

entrevista-alice-recortes1

 

Para falar mais de Alice Bernardes Castanho, eu teria que escrever um livro, pois passei uma tarde inteira com ela e nem consegui ver todo o material que ela tem dessa brilhante carreira de sucesso.

E, como não poderia deixar de ser, me apaixonei por ela e a tenho como uma amiga de longa data.

 

entrevista-alice-recortes2

 

Uma linda e querida, que disse ter em mim uma amiga que quer conservar! Esta foi uma entrevista regada a muita emoção!

 

entrevista-alice-gatinhos

Os gatinhos de Alice. A Lorinha, que ela diz ser a dona da casa, e o Moleque. 

Alice diz que conhece a pessoa por seu amor aos animais. Hoje ela alimenta, além desses que são da casa, mais 23 gatos da redondeza.



Deixe um comentário

You must be Logado Postar comentário.